Anvisa manda recolher frascos médicos por suspeita de falsificação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a apreensão e inutilização de dois lotes de frascos hospitalares da marca Bioredon, por suspeita de falsificação. A portaria com a determinação foi publicada nesta quarta-feira (20), no Diário Oficial da União.

Exemplares de frascos à vácuo dos dois lotes citados apresentavam data de validade diferente do produto original, disse a empresa fabricante, a Fresenius Kabi, que fez a denúncia à Anvisa. Segundo a empresa, há “indícios de falsificação” nos recipientes.

Os frascos Bioredon podem ser usados para preparar medicamentos injetáveis ou para coletar secreções do corpo humano, que em geral são descartadas, afirma a Fresenius. Além da data de validade, o rótulo e a embalagem eram diferentes dos frascos originais, segundo a portaria do Diário Oficial.

A Fresenius diz “com certeza” não ser a responsável pela fabricação dos produtos com datas de validade adulterada dos dois lotes citados pela Anvisa. A descoberta da possível fraude ocorreu porque alguns clientes da empresa comunicaram o problema.

 

Fonte: Bem Estar – Canal G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *